Saúde
17ª Jornada Médica e 11º Simpósio de Enfermagem novamente foram um grande sucesso
18 junho 2017 | Saúde
Compartilhe:

Selbach sediou um evento de abertura à altura de um dos melhores momentos da história da Jornada Médica do Alto Jacuí e Simpósio de Enfermagem, promovidos pela Unimed Alto Jacuí e Faculdade de Medicina da UPF.

Nem mesmo a chuva torrencial do dia 7 impediu que bom público acompanhasse a palestra com a pesquisadora Cristiane Barelli. Antes, as mais de cem pessoas acompanharam uma belíssima apresentação com a Banda Municipal da cidade. Regida pelo maestro Nei Leandro Schneider e composta por 18 jovens integrantes, a Banda apresentou três canções e foi aclamada pelo público.

Em sua palestra, Cristiane abordou a relação das dores agudas, crônicas e recorrentes com as emoções e, em especial, a saúde. De acordo com ela, a dor é um problema que não pode ser subestimado e vem aumentando no mundo todo, à medida que somos influenciados por novos hábitos de vida, pela longevidade e modificações do ambiente, dentre outros fatores. Por isso, os exercícios físicos se revestem de uma importância peculiar: “A atividade física regular tem um papel fundamental na prevenção e controle das doenças crônicas, melhor mobilidade, capacidade funcional e qualidade de vida. Ela relaxa, acalma e diminui a tensão”, disse.

A 17ª Jornada Médica do Alto Jacuí e o 11º Simpósio de Enfermagem continuaram em Ibirubá no sábado (10). Ao todo, 38 participantes, dentre médicos, enfermeiros – e a novidade, acadêmicos do curso de Medicina da UPF -, acompanharam três palestras no turno da manhã, apresentadas por especialistas da Faculdade de Medicina. À tarde, enfermeiros e técnicos em enfermagem acompanharam programação com outras duas palestras. O coordenador do evento, Dr. Luiz Alende, afirmou que os objetivos foram atingidos mais uma vez: “A Jornada Médica foi muito bem organizada, os horários previstos cumpridos, e o ponto principal, as palestras com professores e especialistas, foram de alto nível”, destacou.