Gerente da Corsan fala sobre falta de água e projetos
17 junho 2017 |
Compartilhe:

Promessa: problemas solucionados até o início do verão

Há semanas, a população ibirubense reclama dos transtornos pela falta de água em diversos pontos da cidade. A Reportagem do VR esteve com a gerente da Corsan, Lia Denise Timann, que explicou os problemas e revelou projetos que trarão melhorias ao abastecimento de água do município.

Conforme Lia, os problemas decorrem do crescimento demográfico elevado na parte alta da cidade nos últimos dez anos: de 2007 para cá, aumentou 37% o número de economias (residências, comércio e indústria) naquela região. Por isso, o sistema de abastecimento muitas vezes não vence abastecer e, portanto, é utilizada água do reservatório do centro para suprir a demanda, o que acaba ocasionando falta de água também na parte central da cidade.

“A água sai toda daqui do poço atrás da Corsan, vai para o reservatório da Rua Rio Branco e de lá para a caixa de água da Castanhal e Mauá. Cerca de 90% do município é abastecido por esse poço. Às vezes, devido a grande demanda na parte alta, falta pressão e a distribuição do sistema não suporta o abastecimento e, por isso mesmo, temos que dividir a pressão que sempre tivemos entre todos. Ou seja, o mesmo sistema que sempre tivemos continua sendo utilizado agora, mesmo com esse significativo aumento no número de residências, e muitas vezes acaba não suportando a demanda. Importante destacar que os bairros Chácara e Floresta contam com poço próprio, por isso esses locais não são atingidos com essas constantes faltas de água”, disse.

Novo reservatório de água

Porém, há um alento. A gerente Lia destacou que o problema deverá ser suprido “em breve” com o novo reservatório do Bairro Hermany. Pelo menos, a estrutura já está lá.

O reservatório receberá a produção do poço 2 (localizado atrás da empresa Vence Tudo), suprindo enfim as demandas da parte alta da cidade. O empreendimento é uma parceria com a administração municipal, que doou o terreno na Rua Deputado Cícero do Amaral Viana, em frente à antena da Rádio Ibirubá. Lia destacou que o reservatório já foi adquirido e que até o início do verão estará em funcionamento.

Vazamento

Outro fato que chamou atenção foi um grande vazamento de água na caixa de água dos altos do Bairro Floresta, na quinta-feira (15). Moradores filmaram o desperdício durante todo o dia. Lia informou que aconteceu falha no sistema de comunicação entre o poço e a caixa de água. Conforme ela, o sistema desliga automaticamente o poço quando a caixa enche e, por algum motivo, isso não ocorreu na quinta-feira. Portanto, até a equipe fazer o conserto, a Corsan desligou o sistema automático e o colocou no manual, resolvendo o problema, por ora.

Ruas asfaltadas

A gerente destacou também que, em breve, três ruas da cidade receberão pavimentação asfáltica. Para tanto, solicita que proprietários de imóveis se antecipem com novas ligações de água, para não danificar o asfalto – até porque, após a pavimentação, o preço será bem mais elevado. As ruas são as seguintes: Serafim Fagundes (entre a Dumoncel Filho e Avenida Brasil e entre a 3 de Outubro e Firmino de Paula), Rua Campo Mourão (entre a Mauá e Rua Cruz Alta) e Ida Berlet (entre a Mérito e a Mauá).

Plantão de atendimento

Lia destaca que qualquer mudança no abastecimento percebida pelos munícipes deve ser comunicada à Corsan, como falta de água, vazamentos, água esbranquiçada e falta ou excesso de pressão. Durante a semana, em horário comercial, os telefones da Corsan local estão à disposição: 3321611 e 3324-7256. Em finais de semana, feriados e à noite os problemas devem ser comunicados para a Central da Corsan, através do número 0800-646-6444 ou ainda através do celular plantonista 054-99909-0246.

Novo reservatório do Bairro Hermany deve eliminar os problemas de abastecimento na parte alta da cidade 

Foto em destaque: Lia Denise Timann é a gerente da Corsan em Ibirubá