Ibirubá
Moradores reclamam da (falta de) iluminação pública
9 julho 2019 | Ibirubá
Compartilhe:

 

A falta de iluminação pública em algumas ruas da cidade vem ganhando repercussão em Ibirubá. Os problemas na iluminação não são recentes, nem exclusivos de um bairro ou rua. Fala-se em medo e insegurança.

Na Rua Cruz Alta, Bairro Jardim, muitas lâmpadas dos postes queimaram, ou não funcionam. Segundo um morador, apenas um ou dois postes funcionam corretamente toda a noite. As luzes foram apagando até restarem estas duas ligadas. Outros locais afetados são o trevo da Avenida Brasil com a ERS 506, perto da Coprel, e o Caminhódromo. Há casos em que as lâmpadas permanecem ligadas o dia inteiro.

A Secretaria de Obras e Viação afirma que a manutenção é realizada semanalmente, priorizando locais onde surgem reclamações: este ano já foram mais de 1.200 reclamações.

O secretário Vanderlei de Souza disse que pelo menos dez pessoas telefonam para o setor todos os dias. “Temos um roteiro e a preferência sempre é das ruas onde há mais casos, por exemplo, uma rua com quatro ou cinco postes com problema. Não temos um sistema que identifica os problemas, por isso é importante que as pessoas liguem para a Secretaria”, destacou.

Um dos maiores problemas que ocasionam a fala de iluminação é o clima. Quando chove, os relés (interruptor eletromecânico) responsáveis por acender as lâmpadas molham e queimam. “A Secretaria e a Administração estão trabalhando para buscar um material mais resistente”, disse Souza.

 Ruas ganham lâmpadas de led

Em alguns meses a Secretaria irá iniciar a substituição das luminárias tradicionais da Rua Francisco Emilio Trein por luminárias de led, que gastam menos e têm maior durabilidade, além iluminarem uma maior área e trazerem um novo visual para o local.

A Francisco Emilio Trein foi a primeira via de Ibirubá a ganhar uma ciclovia, que acompanha toda a margem do Rio Pulador, por cerca de 1.800 metros. Foram investidos R$ 20 mil reais em 40 pontos de iluminação.

As ruas centrais da cidade também devem ser beneficiadas – todo o centro até o fim do ano. Com as obras no trevo principal, a entrada da cidade também deve ganhar uma cara nova. O Pórtico receberá pintura e as letras voltarão a ser luminosas. A área também deve ganhar uma iluminação de led.