Geral
PAIF acompanha cerca de 40 famílias em Tapera
3 outubro 2018 | Geral
Compartilhe:

Tapera – Desde o início do ano, o CRAS oferece o Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família/PAIF em um novo formato. Com o intuito de dar apoio às famílias são promovidos encontros mensais que promovem reflexões e atividades práticas, passam informações sobre o acesso a direitos e contribuem para a melhoria da qualidade de vida. Em Tapera, o PAIF conta com duas técnicas, sendo uma psicóloga e uma assistente social.

Participam dos encontros as famílias referenciadas ao Centro de Referência de Assistência Social, que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Para melhorar o atendimento, foram criados três grupos: com filhos pequenos, em vulnerabilidade, e com membros em medida socioeducativa.

Neste mês de setembro, os grupos participaram de reflexões e o Grupo de Famílias em situação de vulnerabilidade tiveram orientações de como criar uma horta com material reciclado. De acordo com a secretária da Assistência Social e Cidadania, Miriam Saggin Visoto, o objetivo é dar suporte para essas famílias, para que não haja ruptura dos vínculos, se trabalhe a autoestima e aprendam novas atividades a fim de gerar renda: “os grupos se reúnem mensalmente e são acompanhados pelas técnicas. O PAIF é um dos serviços mais importantes oferecidos pelo CRAS, assim como o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos”, destacou.

Segundo a psicóloga Dirce Staudt Mocelin, os grupos recebem orientações com temas pertinente a cada grupo, tais como as funções e papeis dos familiares, a importância do acompanhamento no desenvolvimento infantil, qualificação profissional, fortalecimento de vínculos, questões ligadas ao futuro, entre outros.

Atualmente, cerca de 40 famílias são acompanhadas pelo PAIF município de Tapera. (Michelle Corazza/PMT)