Tapera tem atendimento especial hoje no Dia D contra o câncer de pele
2 dezembro 2017 |
Compartilhe:

 Tapera e mais sete municípios gaúchos integram mobilização nacional neste sábado

A primeira ação do Dezembro Laranja ocorre neste sábado, 2, quando cerca de 3 mil dermatologistas voluntários prestarão atendimento, esclarecimento e aconselhamento quanto à importância de adotar medidas preventivas frente ao câncer de pele. O Exame Preventivo Gratuito será realizado gratuitamente em cerca de 130 postos de atendimento em todo o Brasil. Um deles estará instalado em Tapera.

Essa é a 18ª edição da Campanha Nacional de Prevenção ao Câncer da Pele da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Segundo Sergio Palma, vice-presidente da SBD, “é um dia de voluntariado no qual queremos reforçar a importância da proteção diária para prevenção, além de alertar que a identificação precoce do câncer da pele evita danos ou mutilações mais profundas”.

Em Tapera, o CAIS Dr. Hercílio Leonir Steffens atenderá das 9h às 15h. Pessoas com manchas, pintas que mudaram de cor, formato e tamanho em pouco tempo podem procurar a equipe nesse horário. A ação é promovida pela Prefeitura – Secretaria de Saúde, em parceria com os médicos Nei Chassot, Cláudio Steffens, João Vianei de Castro e Wesley Campara.

Além de Tapera, somente mais sete municípios farão a mobilização no Rio Grande do Sul: Canoas, Caxias do Sul, Porto Alegre, Passo Fundo, Pelotas, Rio Grande e Santa Cruz do Sul.

O dermatologista Nei Chassot empenhou-se pessoalmente para incluir Tapera neste trabalho, como conhecedor dos sérios problemas com o câncer de pele no município. Ele revelou que praticamente 100% dos atendimentos do seu consultório são casos para o tratamento de câncer de pele. “Para trazer esta campanha, tivermos que atender uma série de exigências, é um trabalho científico”, comentou.

Além deste dia concentrado de atendimento, o trabalho deverá continuar e os pacientes identificados com a doença deverão ser acompanhados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Dr. Nei Chassot: incidência de câncer de pele é grande

Na parceria do atendimento e tratamento estão a Secretaria Municipal de Saúde e o Hospital Roque Gonzalez. “Há três anos atuando na cidade, é impressionante o número de casos. São pacientes com mais de um câncer e muitas lesões que consideramos pré-câncer. Elas precisam de acompanhamento e tratamento”, afirma o Dr. Nei.

O especialista alerta para os cuidados com todos os tipos de pele. As de cor clara têm maior probabilidade de serem atingidas pelos raios ultravioleta. Lembra ele que o sol é fundamental para a saúde e o funcionamento do corpo, para que o organismo obtenha a vitamina D e, com ela, melhore a absorção do cálcio, fortalecendo os ossos. Então, “se exponha, mas não se queime”.

Uma dica do médico é observar a sombra: quanto maior estiver sua sombra, melhor o sol para você. Usar protetor solar com fator mínimo de proteção solar (FPS) 15 a cada duas horas, óculos de sol de boa qualidade, chapéus de abas largas e roupas de cubram boa parte do corpo – em casos de quem trabalha exposto ao sol.

Anualmente, são registrados pelo Instituto Nacional de Câncer (Inca) mais de 176 mil casos da doença por ano.