I.E.E Nossa Senhora Imaculada realiza aula aberta
12 abril 2021 |
Compartilhe:

Com a temática “O papel da governança na gestão pública: desafios e possibilidades”, o Instituto Estadual de Educação Nossa Senhora Imaculada, de Tapera, realizou a primeira aula aberta dos cursos técnicos em Agronegócio e Contabilidade no dia 31 de março, quarta-feira.

O evento contou com a participação do prefeito municipal de Espumoso, Douglas Fontana, com mediação da professora Patrícia Stafforti e debate da professora Jackelini Adriani Vizzotto Bertoldi.

Douglas Fontana, aos 24 anos, foi eleito vereador do município, função na qual atuou durante quatro anos. Foi presidente da Câmara de Vereadores em 2010, tendo assumido a função de prefeito em exercício naquele mesmo ano.  Em 2016, elegeu-se prefeito de Espumoso, assumindo um compromisso para/com o desenvolvimento da cidade. Com uma visão inovadora de trabalho, em 2020, foi reeleito para o cargo. Apesar de jovem, a política já lhe proporcionou muitas experiências, e em especial, neste momento de pandemia.

Fontana destacou o diálogo como um dos aspectos principais para a sociedade. Dialogar qualifica a capacidade humana, proporciona a construção do conhecimento e contribui para a participação cidadã. Os diversos segmentos da sociedade precisam, segundo ele, estar em comunicação para, em conjunto, refletir, analisar e rever ações, erros e acertos.

O atual cenário exige um olhar ainda mais cuidadoso, “pois estamos em tempos de pandemia de uma doença que mata, deixa sequelas e cicatrizes’’, ressalta ele. Um cenário de muitas incertezas e desafios, em que o gestor precisa ouvir a ciência e os profissionais de saúde, analisar os dados estatísticos e as orientações da Organização Mundial da Saúde para que, por fim, tomem-se decisões responsáveis e fundamentadas na pesquisa e na legislação.

Fontana relatou os investimentos realizados em compras de equipamentos, abertura de leitos, contratação de profissionais na área da saúde, bem como ações diárias para prevenção contra o novo coronavírus desde março de 2020. Também destacou a preocupação com a indústria, o comércio e a prestação de serviços, pois a imprevisibilidade do cenário, aliada à redução de faturamento, dificulta a saúde econômica desses setores.

Vive-se um contexto que exige reestruturação no planejamento, trabalho em equipe e muita análise. Diante disso, o papel da governança, da governabilidade e da gestão pública se reforça, pois elas possibilitam uma gestão eficiente e humana em prol das demandas da população.

Conforme o decreto 9.203/2017, “governança” é o conjunto de mecanismos de liderança, estratégia e controle postos em prática para avaliar, direcionar e monitorar a gestão, com vistas à condução das políticas públicas e à prestação de serviços de interesse da sociedade.

Já a gestão pública é um processo de administração cuja responsabilidade é planejar, buscar recursos, investir e executar ações. Douglas complementa que a gestão deve estar voltada a investimentos no ser humano, na qualificação profissional, no controle dos recursos, na busca por projetos sustentáveis e na eficiência do trabalho.

O debate proporcionou belas reflexões, análises e aprofundamentos de conceitos relacionados à gestão. Professores, alunos e comunidade em geral tiveram a oportunidade de discutir, questionar e argumentar, e assim, praticar o necessário “diálogo”.