Tapera
Produção Leiteira com novos investimentos
23 agosto 2021 | Tapera
Compartilhe:

A atividade leiteira tem gerado importante fonte de renda nas propriedades rurais nos últimos anos. Os produtores efetuaram investimentos nas instalações e nos equipamentos afim de se adequarem às instruções normativas 76 e 77, que estabelece regras para melhoria da qualidade do leite.

A família de Jorge Jost, com sua esposa Jussara, a filha Débora e o filho Tiago, residentes na localidade de Barra do Colorado, no município de Tapera, também se adequou.                                          Segundo Jorge, eles decidiram investir na atividade porque os filhos deverão permanecer na propriedade e, no futuro, assumir o comando dos trabalhos. Para tanto, houve a necessidade de construir uma nova sala de ordenha de 40 metros quadrados, bem como a aquisição de um resfriador de leite com maior capacidade e uma ordenhadeira. O investimento foi de 60 mil reais.

A família trabalha na produção de leite há 11 anos e tem, nesse ramo, a sua principal fonte de renda. Eles possuem uma área própria de 2,8 hectares, e mais 12 hectares arrendados. Hoje, possuem 21 vacas leiteiras, e a meta é chegar a 30. A produção diária é de 400 litros. A alimentação dos animais é fornecida através de pastagens anuais, silagem, feno e ração.

Segundo o extensionista Jair Ross, da Emater de Tapera, destaca-se a importância da gestão na atividade, a fim de acompanhar o ganho financeiro, a redução da mão de obra e a sucessão familiar, que são aspectos que devem ser debatidos para que haja a continuidade da produção leiteira nas propriedades.