Tapera
Secretária Miriam avalia as atividades do CRAS
2 agosto 2021 | Tapera
Compartilhe:

As atividades do CRAS de Tapera iniciaram-se no mês de março, com todos os grupos atendidos. Devido à pandemia, não foi possível realizá-las de forma presencial, passando a serem executadas, assim, na modalidade remota.

No mês de maio, no entanto, foi possível realizar as ações presenciais do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, que atende crianças, adolescentes, mulheres e idosos. Conforme a secretária de Assistência Social e Cidadania, Miriam Visoto, o retorno presencial foi muito positivo.

Hoje, são atendidas semanalmente em torno de 200 pessoas que são divididas em diferentes turnos. As atividades oferecidas são dança, capoeira, teatro, música, marcenaria (que é uma nova oficina), atividades de reflexão, recreação, oficina de artesanato, informática, leitura, dentre outras. Conforme Miriam, para que a programação continue, é preciso atender a todos os cuidados de prevenção à covid-19.

No primeiro semestre, foram realizadas muitas ações solidárias, como o Dia Internacional da Mulher, o Dia das Mães, e a Campanha Faça Bonito. Outras atitudes de solidariedade são o  Tapera Solidária e a Campanha do Agasalho e Alimentos, além de parcerias executadas com o grupo da Associação dos Gremistas de Tapera. As candidatas ao posto de soberanas do município arrecadaram alimentos e fizeram a entrega no CRAS.

Em relação aos cursos, a entidade já está com o quarto curso do SENAR em andamento, com os temas Excel, planilhas, montagens, gráficos, relatórios, fluxo de caixa etc. O curso acontecerá de 9 a 11 de agosto e as inscrições podem ser realizadas até o dia 4 de agosto. Os alunos receberão certificado. Os demais cursos que ocorreram no primeiro semestre foram de culinária, artesanato, corte e costura. Mais atividades educacionais foram solicitadas, e a intenção é realizar cada uma delas mensalmente.

A SEMASC não para com as ações, atividades, eventos, encontros e reuniões, sempre pensando em fazer algo diferenciado.  Está sendo planejada a possibilidade de realização de escolha de uma Rainha da Terceira Idade. Também foi marcado o Dia dos Avós (26 de julho), cuja data foi lembrada com muito carinho e sem a realização de atividades devido à pandemia. Para não “passar em branco”, aconteceu durante a semana contações de histórias no CCI, entrega de mimos, lanches, entre outros.

Vale lembrar que, em outubro, são realizadas atividades especiais para os vovôs e vovós devido à Semana do Idoso.

Está programada para o mês de agosto, também, a Conferência Municipal de Assistência Social, onde é oportunizado à comunidade e à sociedade em geral é conhecer e discutir sobre a política de assistência social. Esse é um importante momento que acontecerá em grupos menores, em razão da pandemia. O evento é realizado em nível estadual e nacional. O mesmo acontecerá no Centro de Eventos em Tapera, atendendo a todos os cuidados de prevenção ao coronavírus.

Para a secretária Miriam, foi um semestre muito positivo, apesar da pandemia e das restrições.

Os atendimentos do CRAS realizados por assistente social e psicóloga nunca pararam, sendo prestados mais de 900 ouvidorias às famílias no primeiro semestre de 2021, a um número de cerca de 200 agendamentos semanais. O Cadastro Único teve em torno de 560 atendimentos.

Sobre o programa Bolsa Família, estão cadastradas 160 famílias. Ressalta-se que prosseguem as reformas do CRAS, as quais se iniciaram no mês de fevereiro. Este será um local específico para os atendimentos das famílias e demais pessoas da comunidade. O objetivo é oferecer mais privacidade e um lugar específico para os acolhimentos. A avaliação da equipe do CRAS sobre o trabalho desempenhado até o momento é positiva.

Para Miriam, o trabalho em conjunto é muito importante, e isso mostra que a comunidade taperense “realmente é solidária”. As atividades também são uma forma de descontração e de melhora do desenvolvimento social e psicológico.

Para o próximo semestre, as expectativas são grandes, pensando, sempre, no aprimoramento dos serviços e acolhimentos oferecidos. A SEMASC coloca-se à disposição da comunidade de forma permanente.