Região
Caso Pe. Eduardo: caminhada pede paz justiça em Tapera
22 junho 2016 | Região
Compartilhe:
2B TAPpadre3

Uma caminhada em torno da praça fechou o movimento no Memorial

A Igreja Matriz de Tapera ficou lotada na manhã de quarta-feira, 22/6, para uma celebração em memória do padre Eduardo Pegoraro, morto a tiros na casa paroquial, há um ano.

A programação previa uma caminhada até o Forum, onde representantes do movimento Amigos do Pe. Eduardo e o Pároco da Matriz, Oswaldo Ferreira Júnior, seriam recebidos pela juíza da comarca. O clamor por justiça inicia num julgamento sendo realizado ainda este ano, em Tapera.

2B TAPpadre1

O Padre Oswaldo abriu a celebração em memoria a Pe. Eduardo

Com faixas, cartazes e bandeiras brancas, após celebração houve uma caminhada em volta da praça na cinzenta quarta-feira, mas o ato ficou novamente comprometido devido ao mau tempo – já havia sido transferido do dia 21/5, data da morte.

No Memorial da Paz, ao lado da Igreja, foram depositadas flores, acesas velas e colocados balões brancos e uma faixa expressando saudades.

2B TAPpadre2

Comunidade taperense reviveu triste momento