Social
Como foi o 2020 para você? Um ano de reflexões, desafios, conquistas e adaptações, confiram alguns depoimentos:
23 dezembro 2020 | Social
Compartilhe:

Andressa Sarturi – Jornalista

Este ano de 2020 para todos nós foi desafiador, não tem como negar que foi um ano cheio de surpresas no mundo. Para mim foi intenso e de muito aprendizado como pessoa. O que mais aprendi é ter coragem, enfrentar o que vier sem medo e com resiliência.  Não temos como controlar nada nessa vida, então precisaram lapidar o que nos é apresentado e extrair algo bom para nosso crescimento pessoal. Sou muito grata a saúde, a todas as conquistas e as pessoas especiais que estão por perto todos os dias.  Torço que 2021 venham mais calmo, trazendo a serenidade que 2020 nos tirou, e aquele clichê: valorizar o que realmente importa!

 

Odair Funk – Diretor Geral Hosp Annes Dias

Digo-lhes que 2020 está sendo de muitas reflexões e aprendizados. As experiências e novidades nos impostas servem para nos mostrar que é preciso que seja preciso repensar nossas atitudes, darmos maior atenção e coletividade de que ao individualismo e acima de tudo valorizando coisas simples da vida, como a família, nossa casa, uma conversa com amigo distante, enfim, espero que 2021 seja um ano mais leve a ser vivido. Gratidão por estar vivo e com saúde.

 

Laira Guedes – Empresária e Personal Treine

Encerramos 2020 olhando para o trás e sabendo que não foi um ano fácil para ninguém, todos nós tivemos que nos adaptar a mudança, a um novo normal, mas o mais importante é não baixar a cabeça e deixar o medo vencer, esse ano foi à prova de que se importar com o próximo, ajudar, ter compaixão e união é importante demais e devemos levar isso para o próximo ano. Devemos ser gratos pelas vitórias conquistadas e prospectar coisas boas para nosso futuro.

Amanda Luísa Corrêa, – Dentista

Vivemos um ano atípico, transformador, desafiador e inconstante, a população teve que se adaptar às inúmeras adversidades impostas neste período, a lidar com a impotência, frustração e até o luto. Em março, com o choque da pandemia mundial entramos em uma quarentena sem fim, o que me fez parar totalmente com a minha vida, minha formatura e ascensão profissional que antes se aproximavam, naquele momento estavam cada vez mais distantes, meus planos foram dissipados na onda da covid-19. Mas, dentro de todo este contexto, acredito que tive sorte por não perder quem eu amo, aprendi a entender e aceitar mais facilmente a vida, mudei a minha visão sobre mim e sobre o mundo, fui resiliente mas constante, fiz minhas próprias rotinas dentro da realidade vivida, li livros que antes não tinha tempo, comecei a aprender uma língua nova, cozinhei, conversei com amigos distantes que há muito tempo não tinha contato por conta da correria do dia-a-dia, valorizei os pequenos momentos. Chorei pela dor dos outros, sorri pelas pequenas conquistas diárias, estudei, sonhei, batalhei e no momento certo conquistei.  Pensando agora nesse final de ano, 2020 foi diferente, quando tudo começou esperei por um pior “prognóstico”, mas hoje vejo o que passou e me surpreendo positivamente, como tudo isso veio para transformar.  Acredito também que estas mudanças não foram apenas sentida por mim e que todos nós tiramos algo bom em meio a tanta tragédia. O dia de amanhã sempre existirá, o sol sempre brilhará e a vida seguirá.

 

Marcelo Felipe Delortoli, Gerente Varejo -Cotribá

Em 2020, vivemos um ano que começou com muitas expectativas, incertezas e insegurança, que nos fez buscar novas respostas pra antigas questões, acelerando às mudanças necessárias para que pudéssemos conquistar grandes realizações.

 

Isabel stefanello Nogueira , Gerente administrativa RODOPLANT Industrial Agricola

Este ano foi desafiador para humanidade, tivemos que nos adaptar ao novo normal e as mudanças. Levo na bagagem um ano de muito trabalho, conquistas, família unida e aprendizados. Sou grata a todas as oportunidades e fé em 2021.

Leidiane Ildebrandt, Empresária -Brandt Store

Um ano que nos deu a chance de repensar nossos planos e entender que não somos nada sem Deus