Cotrisoja conta com estrutura moderna para o recebimento da safra
20 março 2017 |
Compartilhe:

Na região de abrangência da Cotrisoja, a colheita da soja teve início nos últimos dias. A expectativa que o agricultor vinha tendo em relação ao desenvolvimento das plantas aponta para uma safra muito boa. A cooperativa disponibiliza aos associados pontos estratégicos de recebimento de grãos e horários diferenciados de atendimento.

Um exemplo de investimento realizado pela Cotrisoja, é a unidade de Victor Graeff, que concluiu no final de 2016 a ampliação das estruturas de armazenagem. Atualmente, a unidade conta com uma estrutura organizada e moderna, que contempla as etapas de recebimento, limpeza, secagem e armazenagem de grãos. A produção permanece em Victor Graeff, sendo expedida da própria unidade no momento da comercialização.

O Diretor Administrativo Cristiano Koch explica que os associados utilizam maquinários modernos, que dão mais eficiência à colheita de grãos. Isso faz com que a Cotrisoja realize investimentos permanentes em novas tecnologias para garantir agilidade e eficiência no recebimento e armazenagem da produção. “Estamos sempre em busca de novas tecnologias para melhor atender nosso associado. Estamos ao lado do produtor todos os dias, o associado pode confiar, somos uma instituição segura.”

A Cotrisoja conta com 13 unidades de recebimento, distribuídas de forma estratégica, próximas do associado. São equipadas com tombadores, que oferecem agilidade na descarga e segurança na entrega.

A partir de hoje (20), além de Tapera, Lagoa dos Três Cantos, Victor Graeff, Selbach, Selbach Trevo, Selbach Linha Floresta, Ibirubá, Esquina São José, XV de Novembro, Santa Clara do Ingaí e Jóia, as unidades de Selbach Bela Vista e Tapera Linha Teutônia estarão abertas para o recebimento de soja.  (Ascom Cotrisoja)