Escola Dionísio Lothário Chassot: 80 anos formando cidadãos em Tapera
14 outubro 2017 |
Compartilhe:

A Escola Estadual de Ensino Médio Dionísio Lothário Chassot, de Tapera, comemora 80 anos de história neste sábado, 14 de outubro. A data será marcada por um Jantar Dançante Festivo, no Tenarião, a partir das 20h.

Após o jantar, acontece a escolha da Garota Estudantil e Estudante Simpatia 2017/2018 e o baile, com da Banda Só Alegria, de Quinze de Novembro.

Os cartões para o jantar estão sendo vendidos a R$ 35 e a R$ 15 (menores de 6 a 12 anos). O cardápio terá churrasco, cuca, mandioca e saladas.

Atualmente a Escola oferece Educação Infantil Nível (Pré-escola), Ensino Fundamental (anos iniciais e finais) e Ensino Médio

 

Histórico

Dionísio Lothário Chassot foi o primeiro Prefeito de Tapera (28/02/1955 a 31/12/1959) e muito representa para a comunidade, por ser batalhador incansável da educação. Ele conseguiu a criação do Ginásio, foi o fundador e o 1º presidente da Sociedade Cultural Taperense

 

Conhecido hoje como “Escola Dionísio”, o educandário originou-se em 1937, com a implantação no Grupo Escolar Barão de Caçapava, a primeira escola pública do município. Em 1939, a escola particular do professor Pillar incorpora-se ao Grupo Escolar Barão de Caçapava. Dezenove anos depois, em 1958, inicia-se o funcionamento do Ginásio Taperense, cujo prédio foi construído pela Sociedade Cultural Taperense, em 1962. Em 1972, o Ginásio Taperense cedeu suas dependências ao Estado e o Grupo Escolar é incorporado a então denominada Escola Fundamental Estadual Taperense. Esta acaba extinguindo gradativamente suas turmas até o ano de 1974.

Em 1976, a escola é reorganizada e passada a denominar-se Escola Estadual de 1º Grau Dionísio Lothário Chassot, passando depois, somente em 2001, a Escola Estadual de Ensino Fundamental Dionísio Lothário Chassot. No ano de 2004, com a autorização de funcionamento do Ensino Médio, a Escola passa designar-se Escola Estadual de Ensino Médio.