GAP, Polícia e comunidade unidas pela segurança
19 março 2017 |
Compartilhe:

O presidente do Grupo de Apoio a Polícia Civil de Tapera (GAP), no encontro de aniversário da AICT, na terça, 14, falou sobre o trabalho realizado. Entre as ações recentes está a aquisição de um fuzil, que vem reforçar o equipamento das forças de segurança da cidade. Os recursos vieram através do Juizado da Comarca.

O presidente Lisandro Lauxen, que assumiu em janeiro, disse que a aquisição ocorreu ainda durante a gestão da diretoria anterior, presidida por Valdecir Luiz Ecker.

Lisandro quer agora colocar em práticas muitas ideias e, mesmo que seja pouco, com o auxílio de empresas, associados da ACIT e Prefeitura continuar dando melhores condições de trabalho à equipe de policiais civis da DP de Tapera.

Todas as salas da delegacia receberam ar condicionado. Os repasses do Governo do Estado não são suficientes para o mês e o GAP busca auxiliar, com gasolina e material de escritório, por exemplo.

Segundo Lauxen, há uma grande proximidade dos policiais e comunidade. Presente na reunião, o Delegado de Polícia Marcos Vinícius Muniz Veloso disse que sabe o que é uma cidade que ajuda e é amiga da polícia e uma cidade que não é. Ele trabalhou quatro anos no Rio de Janeiro antes de vir para Tapera.

O Delegado Veloso disse que em Tapera os policiais são honestos, a população auxilia, e que quer aproximar ainda mais a Polícia da comunidade. “Quando a comunidade abraça a Polícia, a criminalidade muda para outro lugar”.

O delegado trabalha efetivamente atendendo Soledade, Tapera e Espumoso, empenhado no combate ao crime.

9B TAPgap1

Lisandro Lauxen é o presidente do GAP

Foto em destaque: Delegado Marcos Vinícius Muniz Veloso