Geral
Governo vai estender por até dois anos Bolsa Família para quem conseguir emprego formal
15 março 2017 | Geral
Compartilhe:

Ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra (Foto Wilson Dias/Agência Brasil)

No final do mês, o governo federal lançará um pacote de medidas de inclusão produtiva para os beneficiários do Bolsa Família. Uma das medidas é manter o benefício por até dois anos para quem conseguir um emprego com carteira de trabalho assinada.

“Se a pessoa consegue um trabalho remunerado e formal, ela tem que ser incentivada, não pode ser punida com a perda do Bolsa Família. Ela tem que ter mais um ou dois anos recebendo o Bolsa Família até ter uma estrutura mais estável de emprego. Se depois perder o emprego, tem que ter de volta o benefício automaticamente”, disse o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, no Rio de Janeiro.

O gaúcho Osmar Terra criticou um estudo do Banco Mundial que defende a expansão do Bolsa Família para evitar o aumento da pobreza durante o período de recessão econômica.

O programa atende cerca de 13,5 milhões de famílias a um custo de R$ 30 bilhões.