Esporte
Nutri Vital Vôlei é campeã de forma invicta
As meninas venceram a 1ª Copa Carazinho de Voleibol Feminino
13 dezembro 2021 | Esporte
Compartilhe:

A cidade de Carazinho recebeu dezenas de atletas para a primeira Copa Regional de Voleibol Feminino no último domingo (5), e dentre as seis equipes participantes, estava a ibirubense Nutri Vital, sob o comando da treinadora Cleonice Guedes. As atletas fizeram bons jogos, mostraram técnica e muita garra dentro de quadra, e a consequência disso foram as vitórias. Ao todo, foram quatro jogos, sendo vencidos sem perder nenhum set.

O primeiro jogo foi contra a equipe AVF, de Soledade, vencido pelo placar de 2 sets a 0. O segundo, contra as meninas do Trianon, de Carazinho, também vencido por 2 sets a 0, que garantiu vaga direta para a semifinal, em que enfrentou o time Família do Vôlei, de Palmeira das Missões. A vitória veio e, com isso, a vaga para a final.

No jogo da final, as gurias de Ibirubá enfrentaram o forte time da AABB, de Carazinho, mas, com muita animação, garra e, principalmente, ataques certeiros, o time de Ibirubá venceu por dois sets a zero e trouxe o título para as terras ibirubenses.

O torneio, ainda, entregou premiação para as atletas-destaque. Dentre elas, Laila Kogler, como melhor levantadora, e Francielle Leal Giovanini, como melhor atacante.

Para a treinadora Cleonice, a volta aos campeonatos e as conquistas representam um esforço de toda uma equipe:

“Neste ano, entramos em quatro competições pela Nutri Futsal. Na primeira, em fevereiro, em Passo Fundo, era futebol sete, que não é nossa modalidade, [além de estar em] início de temporada. Caímos na semifinal, e em Vila Lângaro, ficamos campeãs. Participamos também do campeonato [de futsal] realizado em Tapera, onde conseguimos um vice-campeonato, e ainda estamos aguardando o  final do de Carazinho, no mínimo mais um vice. Pelo vôlei, participamos de três torneios, ficamos em segundo lugar em Não-Me Toque, terceiro em Carazinho, pela L.G.V., e neste domingo, em primeiro lugar na Copa de Carazinho. São resultados positivos, pois sempre nos mantivemos entre os três melhores em vista do curto período de preparação devido à pandemia. Ressalto a determinação das duas equipes em superar os obstáculos e sempre manter o nome da Nutri e de Ibirubá entre as melhores esquipes da região – e por que não do estado, a nível amador?”, diz a treinadora.

E o que esperar da Nutri Vital para 2022? Para ela, é um ano de muito treinamento, foco e campeonatos.

“Para o ano que vem, espero poder iniciar os treinamentos em fim de fevereiro. A Nutri Vôlei vai participar da LGV, e o futsal, de campeonatos e torneios. Inclusive, pretendemos fazer competições em Ibirubá para podermos jogar em casa, coisa que não acontece com o futsal desde 2012”, finaliza.