Cultura
Peão do CTG promove oficina sobre voluntariado
20 maio 2017 | Cultura
Compartilhe:

Visando promover ações alusivas à Semana da Solidariedade, o Departamento Cultural do CTG Rancho dos Tropeiros, através do 1º Peão Farroupilha Diego Izequiel Rudell, promoveu quarta-feira (17) uma oficina com enfoque no voluntariado com a turma do 6º ano da Escola Municipal Santa Teresinha.

De acordo com Diogo, o trabalho voluntário parte de dois pressupostos: de cunho pessoal ou escolha individual, ou de disponibilidade de tempo e de esforço para responder a uma inquietação ou a uma convicção levada à prática. A maioria dos programas de trabalho voluntário tem início a partir de iniciativas individuais e aos poucos mobilizam outras pessoas, que aderem à proposta tornando possível a criação de uma associação ou entidade sem fins econômicos. De uma foram geral, as entidades sem fins lucrativos, como são todos os CTGs, as RTs e o próprio MTG, se baseiam no voluntariado. As pessoas, por livre e espontânea vontade, se associam e, a partir daí, dedicam tempo, esforço, inteligência e mesmo recursos financeiros pessoais para que aquela entidade atinja os seus objetivos.

A oficina também trouxe uma reflexão sobre os valores e importância do trabalho voluntário através de uma dinâmica e um paralelo com entidades e programas existentes no município, além de valorizar o trabalho realizado pelos próprios alunos e professores na interação professor-aluno. “Será elogiável se, dentro das entidades e na comunidade em geral, forem realizadas atividades culturais e recreativas com o objetivo de integração e preservação da cultura gaúcha, trabalhando também em conjunto com órgãos públicos e ações sociais em sentido do tema do projeto social do MTG, “Voluntariado”, e que as ações culminassem com as rodas de mate e de muita prosa. É desta forma que ensinamos e repassamos aos nossos jovens e crianças a preservação das nossas tradições!”, afirmou Diogo.

FOTO: Trabalho aconteceu com 6º ano da Escola Santa Teresinha