Produtor taperense recebe troféu “Os Melhores do Agronegócio Brasileiro”
10 março 2017 |
Compartilhe:

 

O Troféu Brasil Expodireto homenageia personalidades e empresas que se destacaram no Agronegócio Brasileiro. Em sua 8ª edição, este ano destacou o taperense Gilberto Antônio Maldaner na categoria Produtor Rural.

Realizado domingo (5), na Bier Site Eventos, em Carazinho, o evento social é o maior do agronegócio do Estado. Dividido em 18 categorias, agracia personalidades e lideranças do cenário político e empresarial que se destacaram ao longo do ano pelas suas atividades em prol do setor.

Gilberto, 57 anos, esteve acompanhado na noite por seus familiares, amigos e pelo prefeito Volmar Kuhn. Graduado em Agronomia há 30 anos pela Universidade de Rio Verde (GO), o taperense iniciou suas atividades no campo se espelhando no pai, Edvino Maldaner.

De Goiás, Gilberto retornou com experiência e começou aplicar seu conhecimento agrário e empresarial nas lavouras. Ele tem propriedades em Condor e Palmeiras das Missões. Há 25 anos conta com o apoio de seu capataz, César da Silva, com quem tem perfeita sintonia, além dos dez funcionários.

Gilberto faz questão que os filhos Guinter, 16 anos, Germano, nove anos deem continuidade à sucessão familiar. “Os meus pais Edvino e Ilga me ensinaram a amar o campo. Hoje, procuro fazer o mesmo com meus dois filhos, minha esposa Agueda também me auxilia. Levo eles para a lavoura, incentivo e procuro mostrar que a agricultura é um excelente ramo para se trabalhar, que agrega renda. Eles gostam, inclusive, a família também ficou muito contente com a premiação”.

Emocionado, Maldaner conta que o reconhecimento é resultado de um trabalho construído dia-a-dia com muito esforço e apreço. “Quando o presidente da Cotrijal, Nei Mânica me ligou e contou que este ano eu seria agraciado, por unanimidade, me senti muito contente, é o reconhecimento de um trabalho sério, conquistei um dos meus maiores objetivos”, comentou.

Passar pelas crises já faz parte da cultura do agricultor, que deve estar sempre preparado da melhor maneira possível. Faz parte da profissão enfrentar as dificuldades. “O produtor precisa fazer muito investimento e também contar com a sorte. É preciso usar da tecnologia, boas sementes, agricultura de precisão, irrigação e adubação. É um somatório de várias atividades que dão bons resultados, tem que aplicar no que irá dar retorno” afirma Giba Maldaner.

Com uma parceria de longa data, 100% da produção de Maldaner é destinada à Cotrijal. Ele revelou que o apoio é recíproco entre empresa e produtor.

8B TAPgiba2