Tarifa de energia elétrica da RGE terá reajuste médio de 5% a partir do dia 19
13 junho 2017 |
Compartilhe:

Os clientes de baixa tensão terão acréscimo médio de 5,77% no valor do kWh e os de alta tensão um reajuste médio de 3,81%

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (13) o reajuste tarifário anual da área de concessão da Rio Grande Energia (RGE). Os novos percentuais entram em vigor a partir da próxima segunda-feira (19).

Os clientes de baixa tensão da distribuidora terão aumento médio de 5,77% no valor do kWh e os consumidores de alta tensão um reajuste médio de 3,81%. Especificamente para a classe residencial, o aumento será de 5,84%. Em média, as tarifas de energia elétrica aplicadas pela RGE ficarão 5% mais caras. Os índices passam a valer a partir de 19 de junho.

A RGE atende 255 municípios gaúchos. A área de cobertura divide-se em duas grandes regionais: a Centro, com sede em Passo Fundo, e a Leste, com sede em Caxias do Sul.

Nova tarifa entra em vigor a partir da próxima segunda-feira (19)

 

ZH Vida e Estilo

Foto: Nauro Júnior / Agencia RBS

Título original: Tarifas de energia elétrica aplicadas pela RGE ficarão em média 5% mais caras