Região
Turra destaca potencialidades do agronegócio
15 julho 2017 | Região
Compartilhe:

O ex-ministro da Agricultura Francisco Turra, presidente da Associação Brasileira da Proteína Animal, esteve palestrando em Tapera na noite de sexta-feira, 7. A promoção foi uma parceria da Prefeitura com a Rádio Cultura.

O encontro reuniu representantes do agronegócio, autoridades regionais e produtores no Centro de Eventos de Tapera.

O diretor do Sistema EPU de Rádios, Garcia Moreno Stefanello, ressaltou que o Brasil vive um momento em que a economia anda de lado, pois isso a necessidade de buscar alternativas. O prefeito Volmar Kuhn parabenizou a iniciativa, lembrando que Tapera e região tem uma agropecuária desenvolvida. “Percebemos que, se comparados aos municípios onde a agricultura não é tão forte, nós enfrentamos dificuldades, mas estamos bem”. Também participou do evento o deputado estadual Sérgio Turra (PP).

O ex-ministro fez uma análise da atual situação econômica do Brasil e destacou o potencial da agricultura. “O Brasil possui um potencial imenso para continuar progredindo. Entre 1976 e 2016, aumentamos a produtividade de 1.258 para 3.844, utilizando a mesma área, de acordo com dados da Conab”, enfatizou. Francisco Turra comentou ainda sobre o impacto da crise da carne para o Brasil, que atingiu diretamente o produtor rural.

Para ele, o Brasil precisa agregar valor às suas riquezas e oferecer um produto melhor, pois existe mercado para exportação. “Há 30 anos, o Brasil importava maçã da Argentina e hoje é um grande produtor. Temos que incentivar a produção de trigo no país. É preciso que a Embrapa trabalhe mais para descobrir uma semente que seja mais resistente ao nosso clima”, argumentou.

Após a explanação, Turra participou do painel onde esclareceu dúvidas sobre o Plano Safra, falou sobre a atual crise econômica do país e também sobre a política.

Mediado pelo jornalista Irineu Guarnier Filho, o painel contou com a participação de Gustavo Stärlick (Grandespe) Jânio Stefanello (Coprel), Hermes Pedersen (Cotrisoja), Sérgio Tonello (Sicredi) e Douglas Orth (Sindicato Rural).