Vacinas da gripe serão disponibilizadas somente até o dia 9
28 maio 2017 |
Compartilhe:

A campanha de vacinação contra a gripe foi prorrogada até 9 de junho. A previsão inicial do Ministério da Saúde era de que a imunização fosse encerrada dia 26 de maio. A prorrogação, segundo a pasta, tem como objetivo atingir a meta de vacinar 90% do público-alvo (idosos, puérperas, indígenas, crianças, gestantes, professores e trabalhadores de saúde).

A Secretaria Municipal de Saúde de Ibirubá está fazendo um chamamento para que as pessoas que pertencem aos grupos de risco façam a vacina da gripe. Basta ir até o Postão ou unidade de saúde mais próxima da residência.

Conforme a SMS, a meta está abaixo do previsto: 88,87% das pessoas foram vacinadas até o momento. Confira como está a vacinação em relação à meta:

Idosos: 95.51%

Crianças: 75,73%

Trabalhadores da saúde: 77,07%

Puérperas: 100%

Gestantes: 67,35%

Já a meta de vacinação entre os professores foi atingida: foram 301 vacinados até o momento. Importante destacar o baixo índice entre as gestantes e crianças.

O Secretário Estadual de Saúde, João Gabbardo dos Reis, informou que, até o momento, o Rio Grande do Sul registrou cinco mortes por Gripe A este ano.

Na última segunda-feira (22) dois óbitos foram registrados: um em Venâncio Aires: uma idosa com problemas cardíacos e diabetes que não havia feito a vacina e uma idosa de 62 anos em Nova Santa Rita, que estava internada desde o dia 10 de maio com problemas cardíacos, doença pulmonar crônica e colesterol alto. Não há informação se ela havia feito a vacina ou não.

Além destas mortes, mais três homens, todos idosos, morreram este ano vítimas de Gripe A. Todos pertenciam ao grupo de risco pela idade e por terem doenças crônicas. Foram dois óbitos registrados em Porto Alegre e um em Dom Pedrito, na região da Campanha. Nenhum dele havia feito a vacina.

No ano passado, o número de mortes no Estado por Gripe A chegou a 212.